Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes

Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Avenida Tenente Onofre Rodrigues

Fonte:Prefeitura de Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Bertaiolli detalha nova avenida Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar para empresários

 

O prefeito Marco Bertaiolli participou, na manhã desta quinta-feira (24/11), de uma reunião com representantes das indústrias localizadas na avenida Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar, na Vila São Francisco. Durante o encontro, que aconteceu na empresa Rinnai, o prefeito apresentou detalhes das obras, que faz parte do Corredor Leste/Oeste. A previsão é de que esta primeira fase termine até o final deste ano.

A avenida Tenente Onofre Rodrigues de Aguiar está recebendo obras que fazem parte da nova ligação entre Mogi das Cruzes e o Rodoanel, em Suzano, passando pelos distritos de Braz Cubas e Jundiapeba. A via, que era de paralelepípedo, será pavimentada, com dois sentidos de direção e duas pistas em cada um deles. Além disso, a avenida está recebendo toda a infraestrutura urbana necessária, com drenagem, implantação de guias e sarjetas e uma base adequada ao tráfego de veículos pesados.

“No nosso último encontro, tínhamos uma série de dúvidas sobre o funcionamento da avenida Tenente Onofre após as obras. Foram feitos os estudos e eles recomendaram a adoção de mão dupla na avenida, sem canteiro central, para permitir que os caminhões tenham acesso às indústrias. Além disso, nos pontos em que houver baias para ônibus, serão construídas ilhotas, com a sinalização de faixas de pedestres para que as pessoas possam atravessar e tenham a proteção necessária”, explicou Bertaiolli.

Ele anunciou ainda que uma rotatória será construída na avenida Cavalheiro Nami Jafet para garantir a segurança viária. “Vamos deslocar a rotatória 150 metros na avenida Cavalheiro Nami Jafet, em uma área que a Prefeitura retomou. Assim, não serão necessárias grandes desapropriações. Sendo assim, os veículos, e principalmente os caminhões, poderão fazer o retorno de forma segura, sem a ocorrência de conflitos”, disse.

Durante o encontro, os representantes das indústrias solicitaram a possibilidade de estacionamento de caminhões na avenida para que os trâmites burocráticos e de conferência possam ser feitos antes de os veículos entrem nas empresas. O prefeito explicou que o estacionamento não é possível pelas características da via. No entanto, ficou acertada a possibilidade de parada momentânea na via para o procedimento durante um período de adaptação, até que seja definida a possibilidade de um bolsão de estacionamento ou o recuo da portaria das empresas.

“Esta é uma obra para o desenvolvimento da cidade, que ligará Mogi das Cruzes ao Rodoanel, trará melhores condições para região e também maior oferta de transporte coletivo. Não queremos atrapalhar o funcionamento das empresas, pelo contrário, queremos como parceiras da cidade. As dificuldades que aparecerem nestes primeiros momentos implantação serão resolvidas, a Prefeitura está à disposição”, completou Bertaiolli.

Também participaram da reunião, os secretários municipais de Serviços Urbanos, Nilmar de Cássia Ferreira, de Transportes, Nobuo Aoki Xiol, e de Desenvolvimento Econômico e Social, Osvaldo Bolanho, além de engenheiros do Consórcio GG, responsável pela construção do Corredor Leste-Oeste.

Corredor Leste-Oeste

As obras do Corredor Leste-Oeste tem investimentos de R$ 88.575.769,48, com recursos dos Governos Federal, Estadual e Municipal, e prazo de execução de 18 meses. Os trabalhos foram iniciados no final do mês de abril, e o lançamento contou com a presença do prefeito Marco Bertaiolli e do governador Geraldo Alckmin.

O novo corredor terá 9 quilômetros de extensão, desde a divisa com o município de Suzano até a região central de Mogi das Cruzes. Deste total, 2.650 metros estão no trecho da avenida Guilherme George entre o rio Taiaçupeba e o rio Jundiaí; 2.300 metros no trecho da nova avenida das Orquídeas, entre o Rio Jundiaí e a rotatória da Via Perimetral, junto ao Viaduto Argeu Batalha; 2.650 metros no trecho entre a rotatória da Perimetral, junto ao Viaduto Argeu Batalha, e a avenida Cavalheiro Nami Jafet, junto à linha férrea da CPTM, e finalmente mais 1.400 metros no trecho entre a avenida Cavalheiro Nami Jafet, junto à linha férrea da CPTM, e o Terminal Central. O projeto prevê duas pistas com mais de 10 metros de largura cada uma, corredor exclusivo para o transporte coletivo no canteiro central, ciclovia e calçada para a circulação de pedestres.

Dentre as obras que serão executadas, destaca-se a construção da nova avenida das Orquídeas, que será a nova ligação de Mogi das Cruzes com a cidade de Suzano e com o trecho leste do Rodoanel. A via, além de trazer desenvolvimento para a região oeste da cidade, também irá colaborar para desafogar o corredor formado pelas avenidas Francisco Ferreira Lopes e Lourenço de Souza Franco, hoje, o mais movimentado de Mogi das Cruzes.

Autor

Tudoem

Prefeitura de Mogi das Cruzes

secretaria de comunicação da prefeitura de Mogi das Cruzes

redator.ccc@pmmc.com.br

www.pmmc.com.br

Comentários

Voltar ao Topo