Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes

Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Vila Cléo receberão escrituras

Fonte:Prefeitura de Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Moradores do CDHU da Vila Cléo receberão escrituras na próxima terça-feira

 

A Prefeitura de Mogi das Cruzes, por meio da Coordenadoria Municipal de Habitação, fará, na próxima terça-feira (19/01), a entrega de 121 escrituras para moradores do condomínio da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) da Vila Cléo. O evento resulta do processo de regularização fundiária, concluído pelo Governo do Estado em 2014, em parceria com a Administração Municipal, nas 960 unidades do conjunto habitacional. A emissão dos documentos de propriedade beneficia a princípio cerca de 400 pessoas, porém a regularização como um todo atende aos mais de 4 mil moradores do condomínio residencial.

A entrega das escrituras será feita pela Prefeitura, graças ao convênio de cooperação técnica, firmado entre o município e a CDHU em 2015. "Este convênio possibilita que o município tenha acesso a dados e informações para gerar as escrituras, além de facilitar a vida dos mutuários, que agora podem buscar atendimento em assuntos referentes à CDHU diretamente na Coordenadoria Municipal de Habitação, não necessitando mais se deslocar até o posto mais próximo, que fica em Itaquera", destaca a coordenadora municipal de Habitação, Chandra Vidal Costa Zadra.

Para que sejam feitas a transmissão e entrega de escrituras, é preciso também que os apartamentos tenham sido quitados por parte de seus proprietários e há atualmente, na Vila Cléo, um total de 283 unidades quitadas. Deste total, 121 receberão os documentos de propriedade na próxima terça-feira (19/01) e os 162 restantes ainda precisam resolver pendências de documentação. "São situações como falta de averbação de divórcio, não localização do cônjuge, venda de apartamentos a terceiros e óbitos. Essas são providências que cabem exclusivamente aos mutuários. Por isso, precisamos aguardar que eles regularizem essa parte documental, para darmos sequência na geração de escrituras", acrescenta Chandra.

O CDHU da Vila Cléo possui 1000 unidades no total, sendo que 960 já estão com o processo de regularização fundiária concluído – nas demais 40 o procedimento está em curso. Para que 100% das escrituras sejam lavradas e entregues, é preciso que todos os mutuários façam a quitação de seus imóveis, o que vem sendo incentivado por meio de mutirões de regularização de débitos. No mês de fevereiro, inclusive, mais um deve ser realizado pela CDHU e Habitação, em parceria.

Além de receberem as escrituras de seus imóveis, os mutuários da CDHU estão isentos do pagamento de taxas cartoriais e do Imposto Sobre a Transmissão de Bens Imóveis (ITBI). Isso é possível porque o município de Mogi das Cruzes criou leis específicas, visando beneficiar os moradores e facilitar todo o procedimento de regularização dos conjuntos habitacionais.

Todos os condomínios da CDHU em Mogi das Cruzes estão passando pelo mesmo processo de regularização fundiária. Trata-se e um trabalho realizado a partir de uma grande parceria entre o município e o Governo do Estado de São Paulo, por meio do convênio de regularização fundiária Cidade Legal.

O conjunto habitacional da Vila Cléo foi entregue no ano de 1995. A Prefeitura de Mogi das Cruzes incentivou a vinda do empreendimento, com a desapropriação, seguida por doação da área à CDHU para a obra. (LMS)

Autor

Tudoem

Prefeitura de Mogi das Cruzes

secretaria de comunicação da prefeitura de Mogi das Cruzes

redator.ccc@pmmc.com.br

www.pmmc.com.br

Comentários

Voltar ao Topo