Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes
Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Maio Amarelo: Comportamento seguro

Fonte:Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Maio Amarelo busca conscientização sobre comportamento seguro e prevenção de acidentes

A Prefeitura de Mogi das Cruzes lançou oficialmente nesta sexta-feira (11/05) as ações do Movimento Maio Amarelo na cidade. Durante todo o mês, serão promovidas diversas ações que buscam a conscientização sobre a necessidade de um comportamento seguro no trânsito, ao mesmo tempo que serão adotadas medidas para prevenção de acidentes no município.

“A campanha Maio Amarelo tem como objetivo principal conscientizar sobre uma mudança de comportamento das pessoas, buscando uma conduta mais segura. As ações de acompanhamento, de fiscalização e conscientização são desenvolvidas pela Prefeitura, mas são as atitudes individuais e de respeito ao próximo que fazem a diferença”, destacou o prefeito Marcus Melo, que participou do evento ao lado da presidente do Fundo Social de Solidariedade, Karin Melo.

O prefeito lembrou ainda que a principal prioridade das atividades deve ser preservar vidas. Outro ponto importante é a formação das crianças, que serão os motoristas do futuro. “Quando vemos que Mogi das Cruzes conta com 252 mil veículos, entendemos o peso da importância desta campanha”, disse.

A programação do Maio Amarelo prevê a realização de ações de conscientização de motoristas e pedestres em semáforos e locais de grande movimentação na região central e distritos, atividades da Escola Mirim de Trânsito, visitas a escolas, entre outras medidas. Além disso, também estão sendo adotadas medidas de engenharia de tráfego e de sinalização para melhoria da segurança, principalmente dos pedestres. Entre as medidas estão a implantação de semáforos em pontos como a avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco com a rua Santana e na avenida Professor Álvaro Pavan, em frente a estação Estudantes.

Para servir como base para as intervenções, a Secretaria Municipal de Transportes utilizou os dados do sistema Infosiga, que aponta o número de mortes por acidentes de trânsito, e os dados sobre acidentes registrados pela Polícia Militar na cidade. Os números do banco de dados estadual apontam 94% dos acidentes com vítimas fatais são causados por falha humana, 80,3% das vítimas são homens e os jovens entre 18 e 29 anos respondem por 26% das ocorrências. Os dados apontam ainda que a maioria dos acidentes (53%) concentra-se nos períodos da noite e madrugada e que os finais de semana abrangem 55% dos casos.

Outra ação é a criação do Controle de Acidentes de Trânsito (CAT), que corresponde à coleta de dados pelos boletins de ocorrência da Polícia Militar, relatórios estatísticos, comportamento do condutor e intervenções que podem ser realizadas.

“Os órgãos de segurança tem toda a preocupação com a segurança e tudo o que pode ser feito em prevenção está sendo adotado. Mas, muitas vezes, as causas do acidente estão fora do que pode ser feito nestas ações, com imprudência ou fatalidades”, afirmou o secretário municipal de Transportes, José Luiz Freire de Almeida.

O secretário destacou também que a pasta está adotando medidas de engenharia de tráfego e de fiscalização. Uma delas prevê a implantação de uma lombada eletrônica na avenida Prefeito Carlos Alberto Lopes, entre o Jardim Camila e o Caputera. A medida atende solicitações de moradores e vereadores e passou por estudos técnicos. Enquanto o aparelho não é instalado, haverá a presença de equipamento de fiscalização estático, popularmente conhecido como móvel.

“É um trabalho conjunto que desenvolvemos que compreende a implantação de semáforos em locais que eles são necessários, a adoção de tempo para travessia de pedestres em cruzamentos, a implantação de travessias elevadas, melhorias de acessibilidade, monitoramento e fiscalização. Tudo isso auxilia na busca por um trânsito mais seguro”, disse, lembrando que Mogi das Cruzes também faz parte do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito.

Também participaram do evento os vereadores Jean Lopes, Marcos Furlan, Edson Santos, Fernanda Moreno, Otto Resende e Protássio Nogueira, o superintendente regional do Detran no Vale do Paraíba, Eduardo Chaves da Silva, secretários municipais e representantes das Polícias Militar e Civil, do Tiro de Guerra e da sociedade civil. (Luiz Maritan)

Autor

Tudoem

Prefeitura de Mogi das Cruzes

secretaria de comunicação da prefeitura de Mogi das Cruzes

redator.ccc@pmmc.com.br

www.pmmc.com.br

Comentários

Voltar ao Topo