Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes

Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

BICUDINHO DO BREJO PAULISTA

Fonte:https://pt.wikipedia.org/wiki/Bicudinho-do-brejo-paulista
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes
Autor

Tudoem

Ronaldo Cardoso

Ronaldo Cardoso é Técnico em impressão offset, Engenheiro Químico, Tecnologo Gráfico, pós graduado em Gestão Gráfica e pós MBA em Liderança e Gestão de Pessoas, adora uma ótima leitura, adora artes, principalmente em fazer pinturas na técnica óleo sobre tela, desenhos com lápis grafite e lápis de cor. Um grande amante da Natureza, tanto da Fauna e Flora, como praticante e guia de observação de aves (Birdwatching) desde de 2009.

rsgona@terra.com.br


O bicudinho-do-brejo-paulista (Formicivora paludicola) foi avistado pela primeira vez em 2005 e surpreendeu os pesquisadores Dante Buzzetti, do Centro de Estudos Ornitológicos (CEO) e Luís Fábio Silveira, do Museu de Zoologia da Universidade de São Paulo (MZ-USP) por ser a primeira espécie de ave endêmica do estado de São Paulo, encontrada nos arredores da Região Metropolitana da Capital. Até agora, o único hábitat conhecido da espécie são 13 pequenos brejos nos arredores das nascentes dos rios Tietê e Paraíba do Sul. As áreas estão entre 50 e 100 quilômetros distantes da cidade de São Paulo. As cidades que se tem registros são : Biritiba Mirim, Guararema, Mogi das Cruzes, Salesópolis e São José dos Campos.

A espécie passa a maior parte do tempo à procura de formigas, mosquitos, louva-a-deus, lagartas e larvas. Apresenta dorso marrom, ventre cinza nos machos e um padrão manchado de branco e preto nas fêmeas, cauda escura e uma pequena parte das asas com algumas manchas. ?Esse pequenino pássaro se difere de seu parente da região Sul do Brasil.
A descoberta do bicudinho-paulista veio acompanhada de uma constatação: o pequeno habitante dos brejos já é classificado como criticamente ameaçado de extinção.
fato se deve à redução do hábitat, além do número baixíssimo da população total, estimada entre 400 e 900 exemplares.
Como foi recém-descoberta, decorrem ainda pesquisas de campo para conhecer melhor os hábitos dessa espécie.
O que se sabe até agora é que o bicudinho-do-brejo-paulista mede cerca de 11 centímetros e pesa em média nove gramas.
Esse pequenino pássaro se difere de seu parente do sul por possuir o dorso mais oliváceo, enquanto no bicudinho-do-brejo a cor é ferruginosa. Outra diferença está no tom mais negro das partes inferiores dos machos e a fêmea é toda pintada.
A espécie tem pequena autonomia de vôo, conseguindo voar no máximo 20 metros em linha reta. Esse fator faz com que fique restrita a um único tipo de hábitar, tornando-a extremamente vulnerável à destruição ambiental. É muito provável que, apesar de descoberta há tão pouco tempo, já esteja ameaçada de extinção.

Comentários

Voltar ao Topo