Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes Tudoem Mogi das Cruzes
Close
Fechar
Conheça as outras cidades onde o Tudoem esta presente
Tudoem Mogi das Cruzes

Alunos do Projeto Chef Notáveis

Fonte:Prefeitura de Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes
Tudoem Mogi das Cruzes

Alunos do Projeto Chef Notáveis aprendem a preparar molhos e massas

 

O Projeto Chefs Notáveis, nova iniciativa do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes, promoveu nesta terça-feira (11/7) a terceira aula de gastronomia para alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae). Orientados pela professora Luriana Toledo, os jovens produziram um nhoque de mandioquinha com manteiga e sálvia e ainda deram uma aula de convivência, afeto e integração social.

O grupo é formado por 10 alunos com idade entre 12 e 15 anos que, mesmo estando em período de férias, não perde uma aula. É o caso da aluna Jade Marinho, de 15 anos, moradora no Distrito de Jundiapeba, uma das mais entusiasmadas com a novidade. “Está muito legal. Estou fazendo almoço aqui e logo, logo, vou fazer na minha casa também”, comemorou.

Nas três primeiras aulas, os jovens aprenderam conceitos básicos de culinária, produziram molhos e massas. No quarto e último encontro, que será realizado na próxima semana, o grupo será preparado para uma apresentação de formatura, que será realizada no próximo dia 20 de julho, das 19h30 às 21h30, no Helbor Patteo Mogilar.

A presidente do Fundo Social de Solidariedade de Mogi das Cruzes, Karin Melo, faz questão de acompanhar a evolução dos jovens cozinheiros e acompanhou a aula desta terça-feira. “É muito gratificante ver a alegria e o interesse deles no projeto, que também trabalha a valorização e a autonomia desses jovens”, comemorou.

A inspiração para a implantação do Projeto Chefs Notáveis veio do Instituto Chefs Especiais, escola com cursos de gastronomia para portadores da síndrome de down e jantares temáticos beneficentes. Para montar o projeto mogiano, o Fundo Social convidou Luriana Toledo, que é funcionária da Prefeitura e participou do Master Chef 2016, e a Apae. “A Apae possui um currículo funcional, com aulas básicas para o dia a dia, mas esse projeto vai muito além: é maravilhoso e está encantando as nossas crianças”, afirma a auxiliar pedagógica Cristiane Cunha Calixto Camilo.

O projeto mogiano segue a linha do o Instituto Chefs Especiais, que promove a inclusão social de pessoas com síndrome de down por meio da gastronomia, mostrando que elas, desde que estimuladas e respeitadas, podem se tornar independentes no lazer ou no trabalho. Para a segunda quinzena de agosto, uma nova turma será iniciada com alunos mais velhos da Apae, de 17 a 19 anos. Será um curso profissionalizante, com entrega de certificados pelo Fundo Social de Solidariedade.

Autor

Tudoem

Prefeitura de Mogi das Cruzes

secretaria de comunicação da prefeitura de Mogi das Cruzes

redator.ccc@pmmc.com.br

www.pmmc.com.br

Comentários

Voltar ao Topo